Dia 17: Qual o limite da transcendência humana?

Pixabay

Durante minhas viagens observando, analisando e entendendo a história da humanidade e, principalmente o comportamento humano, sustento a constatação que a nossa mente é uma fronteira que esconde segredos e intriga o intelecto mais evoluído.

Às vezes, quando faço incursões na mente das pessoas, penetrando no seu íntimo para descobrir respostas, é algo similar a um gigantesco labirinto que está prestes a colapsar e me manter aprisionado em algum sonho sem fim.

Sim, desenvolvi a habilidade em penetrar na mente das pessoas e estudar seu DNA, sem que elas consigam perceber a minha presença ou ter a percepção sensorial que alguma coisa interfere em seus pensamentos no passado, presente e futuro.

As histórias e experiências a que fui submetido durante estas sessões, são relatadas num diário quântico que um dia, tomará a forma de um livro etéreo disponível num servidor em alguma galáxia distante, evitando um possível sequestro porque infelizmente a mazela humana é um vírus resistente, altamente contagioso e letal, dito isso, poderemos mapear com precisão a origem dos problemas e colaborar para que as pessoas tenham mais qualidade de vida. Uma evolução do projeto genoma com tecnologia super-avançada.

Essa missão em desvendar o universo oculto na mente das pessoas e contemplar o ser humano como um projeto infinito, me foi concedida durante uma expedição ao planeta K-79B na galáxia de Urkypton, uma outra dimensão que foi descoberta após viajarmos por um buraco negro no quadrante delta próximo a nebulosa Zontariana.

Nesta dimensão, o tempo tem vários universos paralelos que permitem a nós vivermos uma vida diferente e, numa dessas incursões, fui exposto a uma energia fascinante que, de alguma forma, desencadeou poderes dantes inimagináveis. Fui escolhido, tal qual o Neo em Matrix!

O preço a pagar por este dom, é continuar esta jornada de surpresas, pesquisando a mente de cada ser vivo mas, evidentemente, não interferir na vida de ninguém, preservando e mantendo seus segredos e sonhos.

Um estudo grandioso, uma missão celestial. Sempre no limite entre a vida e a morte contrastando com a excitante possibilidade de uma nova revelação.

A vastidão do espaço e suas intrincadas tramas do tempo, sempre fascinaram os cientistas e, quando pudemos finalmente viajar a galáxias distantes através dos buracos negros e universos paralelos, conseguimos de fato, melhorar a vida das pessoas e o nosso planeta com a ciência e, definitivamente desistir da utopia de tentar ser Deus.

A ciência hoje, aliada ao fator conhecimento intergaláctico, proporcionado pela interação com outras culturas mais desenvolvidas, conseguiu entender que a sua existência e perpetuação dependerá da adaptação e cooperação com outras espécies, jamais estivemos sozinhos, seria uma pretensão arrogante e hoje, temos esta certeza.

Quando usamos o poder da mente, mesmo com uma ajudinha de outros mundos, em prol da evolução e satisfação plena das pessoas, presenciamos a existência do divino sem, no entanto, entrarmos num delírio psicótico de visões do paraíso ou portais de luz quando nos encontramos à beira da morte.

Viver uma vida com este propósito místico científico, é um privilégio que a semi-imortalidade nos proporciona, mesmo depois de presenciar tantas partidas, tenho a felicidade em revisitar minha história e a de tantos outros que trilharam a jornada da preservação da espécie e salvação do universo, edificando algo novo e sustentável com a sensação do dever cumprido até aqui.

Vamos continuar firmes na exploração de novos mundos, compartilhar mais conhecimento com novos povos, combater a barbárie ainda impregnada no homem pela sede do poder mas, sobretudo, poder vislumbrar que apesar das batalhas para construir um destemido mundo novo, estamos no caminho certo.

Valeu Matheus de Souza pela provocação do desafio 21 dias de escrita!!!
#DesafioDoMatheus #escritacriativa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s